[FARJ] Terroristas do Estado brasileiro fazem mais cinco vítimas

Retirado de:                https://www.facebook.com/anarquismorj/photos/a.163241370531736.1073741826.161858530670020/440969509425586/?type=3&theater

terror

Cinco jovens negros foram fuzilados pela polícia na noite de sábado, no bairro de Costa Barros, Rio de Janeiro. Não satisfeitos, os policiais que fuzilaram os jovens, numa prática comum e rotineira da PMERJ, tentaram armar um “flagrante”, colocando uma pistola de plástico próximo ao carro (como se isso justificasse a chacina).

Não foi “acidente”, não foi “erro operacional”. É apenas o racismo estrutural da polícia e do Estado brasileiro em curso, tendo sempre como alvo a população negra e pobre.

Enquanto a lei anti-terrorismo é aprovada, o Estado continua seu genocídio. Pela nova lei, um/a manifestante poderá ser enquadrado/a como terrorista por quebrar uma vidraça de um banco. Enquanto isso, o mesmo Estado que aprova esta lei, assassina sistematicamente a juventude negra das favelas.

Não foi acidente.
Chega de massacre. Chega de extermínio.
Terrorista é o Estado!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s